Sign In

Comunicar Como?

2016-05-23 22:32:50

Inserida na StartPoint'16 decorrer a 24 de maio, das 17.00h às 18.00h, a sessão Comunicar. Como? | EDIT VALUE® Formação Empresarial.

 

 

Temáticas a abordar:

- Comunicação verbal e não verbal.

- Impactos da comunicação não verbal.

- Dilema da escuta ativa

 

 

Dinamizadora

Sara Oliveira

Consultora de Recursos Humanos e Formadora especialista nas áreas de Comportamento Organizacional e Língua Inglesa na EDIT VALUE Formação Empresarial. É pós-graduada em Gestão de Recursos Humanos e encontra-se em período de conclusão do da tese de Mestrado focando o seu estudo na relação entre a Qualidade de Vida no Trabalho e o Desempenho Organizacional.

Realizou um período de estudos na Università Cattolica del Sacro Cuore de Milão (Itália), uma das mais conceituadas escolas de Economia da Europa, onde teve oportunidade de aprofundar os seus conhecimentos em Ciência Política, mais concretamente nas áreas de Globalização e Estratégia, História e Geopolítica, Economia Política, Sociologia, Filosofia e Direito da União Europeia.

 

 

Mais informações sobre o evento AQUI.

 

Mais informações sobre o programa completo AQUI.

 

Inscrições AQUI.

 

 

Notas:

- Participação GRATUITA.

- Será entregue certificado de participação a quem solicitar.

- É oferecido o transporte entre os Campi.  

- A participação em cada uma das atividades do Dot Conhecimento e do Dot Oportunidades representa 0.125ECTS e do Dot DESTACA-TE representa 0.25 ECTS creditados para alunos da EEG (no âmbito do programa EEGenerating Skills). 

 

 

Workshop e Pitch DESTACA-TE

2016-05-23 16:00:06

Inserida na StartPoint'16 decorre a 24 de maio, das 14.00h às 15.00h, a sessão Workshop e Pitch DESTACA-TE | Bosch.

 

 

Temáticas a abordar:

- Saber o que a Bosch procura num candidato.

- Dicas sobre como deves preparar a tua entrevista de emprego.

- Ajudar-te a descobrir os teus pontos fortes e o que deves fazer para realçá-los.

- Possibilidade de te apresentares em formato Pitch.

 

 

Dinamizadora

Rita Cadillon

Responsável pela área de Recrutamento e Desenvolvimento de Recursos Humando na Bosch Car Multimédia, em Braga, com vasta experiência em recursos humanos e no desenvolvimento organizacional.

 

Ana Luís Pereira

Formada em Psicologia do Trabalho e das Organizações, integra o departamento de Recursos Humanos da Bosch Termotecnologia, em Aveiro, atuando na área de recrutamento e desenvolvimento de colaboradores.

 

Mais informações sobre o evento AQUI.

 

Mais informações sobre o programa completo AQUI.

 

Inscrições AQUI.

 

Notas:

- Participação GRATUITA

- Será entregue certificado de participação a quem solicitar

- É oferecido o transporte entre os Campi.

- A participação em cada uma das atividades do Dot Conhecimento e do Dot Oportunidades representa 0.125 ECTS e do Dot DESTACA-TE representa 0.25 ECTS creditados para alunos da EEG (no âmbito do programa EEGeneration Skills).

Como pode uma empresa com mais de 25 anos ser empreendedora

2016-05-16 15:26:19

Inserida na StartPoint'16 decorre a 24 de maio, das 11.45h às 12.45h, a sessão Como pode uma empresa com mais de 25 anos ser empreendedora | F3M - Informations Systems S.A.

 

 

Temáticas a abordar:

- Contextualização histórica da F3M

- Enquadramento do Talent Spy na História da F3M

- Contextualização cronológica do projeto

- Apresentação do projeto (vídeo 2 minuntos + descrição das funcionalidades base)

- Talent Spy em números (utilizadores, clientes referência e números de países onde já chegou)

- Apresentação das novas funcionalidades (desde janeiro de 2016)

- Parcerias do projeto com equipas de scouting

 

 

Dinamizador

João Pedro Fernandes da Silva

Mestre em Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação pela Universidade do Minho. Faz parte da equipa F3M desde janeiro de 2015, onde iniciou a sua atividade como Product Developer e no Projeto Talent Spy. Desempenha desde dezembro de 2015 funções de Product Lead no mesmo projeto onde é responsável pela equipa de desenvolvimento e pelo contacto direto e suporte a utilizadores online.

 

Mais informações sobre o evento AQUI.

 

Mais informações sobre o programa completo AQUI.

 

Inscrições AQUI.

 

 

Notas:

- Participação GRATUITA.

- Será entregue certificado de participação a quem solicitar.

- É oferecido o transporte entre os Campi.  

- A participação em cada uma das atividades do Dot Conhecimento e do Dot Oportunidades representa 0.125ECTS e do Dot DESTACA-TE representa 0.25 ECTS creditados para alunos da EEG (no âmbito do programa EEGenerating Skills). 

Network

Get Started

2016-07-27 10:50:04

O LIFTOFF - Gabinete do Empreendedor da AAUM apresentou, em 2015, uma revista em torno da temática do empreendedorismo em formato impresso e formato digital que regressou em 2016.

 

A revista Get Started tem como objetivo principal produzir conteúdos educativos e de discussão em torno do empreendedorismo, enriquecendo assim o pensamento crítico dos leitores, em especial da comunidade académica da Universidade do Minho. Pretende-se partilhar a experiência e o percurso de empreendedores bem como expandir o conhecimento em relação ao tecido empresarial da região.

 

Apesar de amplamente disseminada, esta é uma temática que tem sempre muitas questões por esclarecer. Esta nova revista vem permitir mais um espaço de discussão. 

 

Segue, em baixo, a listagem dos artigos: 

 

Janeiro

Quanto vale realmente uma ideia de negócio? | Tiago Sequeira (Diretor da Startup Braga)

 

Fevereiro

Postal enviado do futuro |  Alexandre Mendes (Formandor, Mentor e Empreendedor)

 

Março 

Empreender do Alto do Salto | Sandra Araújo (CEO Edit Value ® Formação Empresarial)

 

Abril

O Sonho Comanda a Vida | Fátima Alves (Coordenadora Vila Work Barcelos Business Center

 

Maio

A Universidade como incentivo ao empreendedorismo | Bruno Alcaide (Presidente da Associação Académica da Universidade do Minho)

 

Junho

Na era do innerpreneurship | Paulo Silva (Coordenador do Orienta-TE - Serviço de carreira e desenvolvimento profissional da TecMinho)

 

Julho

De fundador a CEO: saber guardar e gerir os trunfos à tua disposição | Bernardo Alba (Capital Humano e Operações da U.Dream Portugal)

 

Para aceder a revista de 2015 clica AQUI.

  

O LIFTOFF - Gabinete do Empreendedor da AAUM agradece, aos autores dos artigos de opinião que foram publicados na revista, pela sua participação e contribuição no projeto. A todos, desde já, o nosso obrigado!

De fundador a CEO

2016-07-27 10:47:25

Por regra, um bom Empreendedor quer-se multidisciplinar. Quando isso não acontece, aquilo que deve procurar fazer é reunir um conjunto de artistas que “percebe de tudo e mais alguma coisa”. Esse é o processo inicial que garante que os trunfos estão do lado da nossa Startup: ainda assim, tudo pode correr mal se as cartas forem mal jogadas. 

Nos meses que antecedem a fundação de qualquer projeto, as tuas energias devem estar concentradas em apenas 3 coisas: i) o que é que vou fazer, que valor acrescentado quero trazer ao mercado e qual a minha diferenciação?; ii) Quais os recursos que desejo ter à minha disposição?; iii) qual vai ser a minha estratégia de penetração no mercado?. Esta é a fase onde a tua criatividade deve prosperar e, por isso, qualquer tipo de ferramenta pesada é totalmente desnecessária. Um Canvas Business Model, uma proposta STP (Segmentation, Target e Positionig) e uma Employer Cultural and Value Proposition (ECVP) servem perfeitamente… até porque, daqui a dois anos, caso resistas, o cenário já deu uma volta de 180º. Usa uma abordagem lean, visualmente forte e fácil de explicar, e procura um pequeno grupo de Pessoas que partilhem o teu Sonho – acima de tudo, que sejam melhores do que tu nas áreas de trabalho onde tu és péssimo.

Depois de garantires que tudo não passou de uma ideia descabida – leia-se, depois de fazeres um Piloto – é altura de jogares a tua primeira carta. E, como em qualquer jogo de cartas, as primeiras rondas são de estudo (do jogo e do adversário). É no teu primeiro ano de atividade que compreendes os drivers de sucesso da tua organização – a perspetiva “imposta” pelo Balanced Scorecard faz-te pensar de forma bastante completa nisto. Lembra-te, tudo vai, muito provavelmente, mudar. Neste ano só importa estares perto das tuas operações, no terreno: compreende porque é que tudo o que planeaste não se está a concretizar, compreende rotinas e erros repetitivos e mantém uma equipa aberta à mudança. Sê o teu próprio Auditor e regista informação: a aquisição de um bom CRM pode fazer toda a diferença. Não podes perder um cliente sem pelo menos perceber porquê. Investe na marca, começando pelo mais simples e menos dispendioso – os 3 F’s, Family, Friends and Folks. 

Por teres decidido montar uma Startup ágil, assente em alguns pressupostos desejáveis e lógicos (e não na convicção de que és vidente), o passo 3 vai-te ser relativamente mais simples: reorganiza o jogo, agora com muito mais informação fornecida pelo “mundo real”. Questiona a perceção que o mercado tem da tua marca e amadurece-a. O investimento deverá estar orientado para um target muito específico, de forma a que esse target influencie o resto do mercado (a quem tu não consegues mas queres chegar). Toda a tua equipa já se encontra confortável, confiante e pronta… para receber os próximos Sonhadores. Investe na tua ECVP e desenvolve estratégias de Employer Branding para captares os melhores talentos. Uma expansão precoce de Pessoas vai desafiar tudo aquilo que consideravas serem as tuas capacidades de liderança e vai gerar problemas que só queres ter mais para a frente. Lembra-te: o jogo só termina na última cartada. 

Só neste momento é que és capaz de perceber exatamente quais são os recursos que vão impulsionar os teus drivers de sucesso: é altura, por isso, de investires na capacitação da tua Startup. Cuidado, já és um quase-CEO.

Por fim, está na hora de “destrunfares” o resto da concorrência e de colocares na mesa toda a tua “inteligência organizativa”. Inicia um processo rigoroso de controlo de gestão que te permita otimizar os recursos, informatiza operações, captura investidores com a tua marca cada vez mais “sensual”, consolida rotinas construindo Manuais (que olhem para as Pessoas) e prepara (só agora) um plano “Financeiro-Complexo” que viabilize a tua expansão. Entende que, afinal de contas, o sucesso da tua Startup está na forma como balanceias as tuas ações de curto e longo prazo: as ferramentas estarão sempre lá à espreita, cabe-te a ti ter a visão e paciência necessárias para as utilizar.

Por isso, Fundador, não queiras ser um CEO-à-pressa, mesmo que esse seja o teu Sonho. 

O nosso, esse, será sempre ver-te Sorrir.

 

Bernardo Alba

Capital Humano e Operações | U.DREAM Portugal

 

 

Artigo de opinião elaborado no âmbito da revista Get Started | Projeto LIFTOFF.

Não é autorizada a reprodução, total ou parcial, do conteúdo sem prévia autorização do autor e do LIFTOFF.

Agenda Factory

2016-07-25 16:33:37

- Marketing Digital | Setembro

- 24 horas de wordpress | Setembro

- Produtividade pessoal | Setembro

- Email marketing | outubro

- SEO e publicidade online | Outubro

- UX Design Foundations | Outubro

- Content Marketing: copywriting e blogging | Novembro

- Já está a vender lá fora? | Novembro

- Como vender o que não se vê | Novembro

  

 

+ info em www.factorybraga.com/academy